Gal Gadot está na capa da edição de maio da revista W Magazine. Diferente das últimas publicações que publicaram matérias sobre a atriz, esta foca, em sua maioria, na carreira de Gal Gadot.

Leia a matéria traduzida por nossa equipe e saiba o que Gal Gadot ouvia para se acalmar, antes dos testes finais para o papel de Mulher-Maravilha e acompanhe a conversa da atriz e de Lynn Hirschberg, da W Magazine, enquanto elas decoram bolos, em Los Angeles.

Por Lynn Hirschberg

Em 2 de junho, Gal Gadot, uma ex-Miss Israel, se tornará a primeira mulher a ser a personagem principal de um filme de super-heróis em mais de uma década, quando ela aparecer como Mulher-Maravilha. Como o seu álter ego das histórias em quadrinhos, Gadot é deslumbrante e muito alta, com um comportamento gracioso e adorável. Mesmo sem o seu laço e escudo, ela parece que poderia salvar o mundo.

No dia em que nos encontramos, ela estava canalizando os poderes dela para decorar um bolo. (Quem teria imaginado que a atriz tinha jeito com o fondant?) “Quero começar com um bolo azul,” Gadot disse, quando entramos no Duff’s CakeMix, em Los Angeles. Ela estava vestindo calças pretas simples, um suéter azul marinho e mocassins pretos da Gucci.

Embora ela estivesse grávida de seis meses, com sua segunda filha, sua barriga estava quase imperceptível. Gadot, que tem uma qualidade doce, não estava usando maquiagem e seu cabelo escuro estava em um rabo de cavalo. “Você não poderia ter inventado uma Mulher-Maravilha mais perfeita do que Gal,” Patty Jenkins, a diretora do filme me disse, mais tarde.

Parece estranho, mas Gal é tão pura, tão pura, mas não é por falta de sabedoria ou informação. Como a Mulher-Maravilha, ela é linda, gentil e forte. É uma escolha ser tão espiritualmente pura. Gal, instintivamente, entende esta escolha.

Na CakeMix, os clientes escolhem um bolo redondo entre opções com pré-coberturas coloridas (mas simples) e, então, são convidados a colocar uma vasta gama de decorações. Havia várias escolhas de pacotes de coberturas igualmente coloridas, saquinhos de granulados de todas as cores e frascos de glitter comestível. Havia também uma variedade assustadora de letras, números, brinquedos e todo o tipo de coisas. Fiquei maravilhada e estranhamente fascinada com o glitter, mas Gadot estava instantaneamente focada: ela escolheu fondant branco e roxo, um cortador de cookies em formato de estrela, glacê roxa e um saquinho cheio de pequenas bolas douradas. Enquanto eu estava presa em minha confusão, Gadot tinha um plano simples e elegante.

Eu sempre fui organizada,” Gadot disse, enquanto passamos por uma mesa cheia de garotas que estavam decorando cupcakes. Sentamos de frente uma da outra, nossos bolos pelados em frente da gente, ansiosos por uma personalização. (O meu também era azul, eu estava copiando a Gal e você a copiaria, também).

Gadot começou a desenrolar o fondant na mesa. “Crescendo em Israel,” ela disse, “Eu não sabia muito sobre a Mulher-Maravilha. Mas é como o Superman, um nome conhecido.” Para os que não são aficionados por histórias em quadrinhos: Mulher-Maravilha, também conhecida como Diana Prince, foi esculpida na argila e trazida à vida por Zeus. No filme, que se passa durante a Primeira Guerra Mundial, ela se junta às forças Aliadas, acreditando que é o dever dela lutar pelo amor e pela justiça. Ao contrário de Batman, Mulher-Maravilha não é consumida por uma angústia existencial. Ela é uma guerreira que acredita que, com a ajuda dos seus braceletes mágicos que desafiam as balas e seu laço, o bem triunfará sobre o mal.

Foi um papel difícil de conseguir. A primeira aparição de Gadot como Mulher-Maravilha foi em Batman v Superman: A Origem da Justiça, do ano passado. Ela foi a melhor coisa no que teria sido uma demonstração de super-heróis tediosa e excessiva. Gadot, de 32 anos, não queria se tornar uma lenda dos quadrinhos ou até mesmo uma atriz. Após ser coroada a Miss Israel, em 2004, um diretor de elenco pediu que ela fizesse o teste para o papel da Bond Girl, em 007 – Quantum of Solace.

Eu disse, ‘De jeito nenhum’,” Gadot se recordou, enquanto colocava estrelas ao redor do bolo. “Eu disse, ‘Estou estudando Direito e Relações Internacionais. Sou muito séria e inteligente para ser uma atriz, além disso, o roteiro é todo em inglês.’ Eu falo inglês, mas não estava confortável com isso.

Eventualmente, ela aceitou a ideia e, enquanto ela não se tornou o último caso de 007 (o papel ficou com a atriz ucrânia Olga Kurylenko), Gadot acabou se juntando ao elenco de Velozes e Furiosos, uma franquia extremamente bem sucedida sobre motoristas de carros de competição.

Quando eu fiz o teste para Batman v Superman, eu não sabia que era para a Mulher-Maravilha,” Gadot continuou. “O diretor, Zack Snyder, me pediu que fizesse um teste em câmera. Isso foi tortura. Eles estavam testando seis ou sete garotas, estávamos todas em trailers separados e fomos pedidas que ficássemos dentro dele até que nos chamassem. Esperar é meu inimigo Número Um e eu estava enlouquecendo. Então, decidi ligar Beyoncé.” Gal sorriu. “Quem domina o mundo? As garotas! (Who runs the world? Girls!) Eu apenas comecei a dançar e deixei minha ansiedade sair. Obrigada, Beyoncé!

Quando Gadot foi escolhida para o papel, houve furor no universo da internet. “Porque meus seios eram muito pequenos,” Gadot me disse. “Sim, esse era um grande problema,” ela completou, rindo. “A internet realmente prestou atenção no lado importante da Mulher-Maravilha.

O que a internet não parecia notar era que em um mundo cada vez mais dividido, uma heroína como a Mulher-Maravilha poderia ser o que esse país precisa. Que é exatamente o que Jenkins pensou. “Com ou sem Trump,” ela disse, “a Mulher-Maravilha representa a beleza, a verdade, o amor e a bondade. Ela entende que encontrar a verdade é complicado, mas ela sempre será gentil. Há algo muito reconfortante nisso, especialmente agora.

Jenkins e Gadot se tornaram muito próximas: o marido delas são amigos e Alma, a filha de 5 anos de Gadot, brinca com o filho de Jenkins. Apesar de ter uma casa em Israel, onde os pais dela vive, Gadot e seu marido, Yaron Versano, um promotor imobiliário, recentemente compraram uma casa em Los Angeles e matricularam Alma na escola. “Terei o bebê aqui,” Gadot observou, enquanto arrumava as bolas douradas em um triângulo, em cima do bolo (a filha dela, Maya, nasceu no final de março). Ela disse que planeja levar a recém-nascida dela em uma turnê pelo mundo para promover Mulher-Maravilha. “Eu descobri que estava grávida enquanto gravava Liga da Justiça. Eu tive enxaquecas horríveis. Eu aparecia de óculos de sol e eles achavam que eu estava dando uma de famosa, mas eu estava apenas grávida.” Gadot parou para observar o bolo dela. “Eu deveria adicionar alguma coisa?” ela perguntou em voz alta. Ao contrário da minha criação, que tinha uma mistura de flores de fondant e pérolas comestíveis (eu nunca descobri como usar o glitter), o de Gadot parecia perfeito. “É um bolo de super-herói“, ela disse alegremente. “A Mulher-Maravilha ficaria orgulhosa.

W Magazine

As fotos de Gal Gadot, por Craig McDean, para a W Magazine, estão em nossa galeria.

Inicio » Ensaios Fotográficos | Photoshoots » 2017 » 002 | Craig McDean