A Forbes, a mais conceituada revista de negócios e economia do mundo, divulgou hoje a Lista das 10 Atrizes Mais Bem Pagas do Cinema do ano de 2018. Gal Gadot é a única novata na lista, graças ao seu papel de Mulher-Maravilha, no filme homônimo de 2017.

O filme de sucesso dirigido por Patty Jenkins arrecadou US$ 821,8 milhões nas bilheterias, ganhou uma sequência e representa a maioria dos ganhos de Gadot deste período. Apesar de ser estimado que ela tenha ganhado algo na casa dos milhões no primeiro filme, o seu novo salário para Mulher-Maravilha 1984 junto a um contrato com a Revlon fizeram com que ela aparecesse pela primeira vez na lista.

As 10 Atrizes Mais Bem Pagas de 2017-2018

  1. Scarlett Johansson – US$ 40,5 milhões.
  2. Angelina Jolie – US$ 28 milhões.
  3. Jennifer Aniston – US$ 19,5 milhões.
  4. Jennifer Lawrence – US$ 12 milhões.
  5. Reese Whiterspoon – US$ 18 milhões.
  6. Mila Kunis – US$ 16 milhões.
  7. Julia Roberts – US$ 13 milhões.
  8. Cate Blanchett  – US$ 12,5 milhões.
  9. Melissa McCarthy – US$ 12 milhões.
  10. Gal Gadot – US$ 10 milhões.

Juntas, as 10 mais bem pagas atrizes do mundo acumularam US$ 186 milhões entre 1 de junho de 2017 e 1 de junho de 2018 (sem taxas e impostos). As estimativas são baseadas com dados da Nielsen, ComScore, Box Office Mojo e IMDB, bem como em entrevistas com especialistas do setor.

De acordo com um estudo de 2016, as personagens femininas com falas no cinema são de apenas 28,7% de todos os disponíveis. Isso significa que há menos oportunidades para as atrizes ganharem muito dinheiro. No período de 2017-2018, apenas duas mulheres arrecadaram mais de US$ 20 milhões.

Os papeis para as atrizes não tão jovens são poucos e escassos. Ainda assim, 60% das atrizes desta lista estão acima dos 40 anos. Algumas delas criaram os seus próprios papeis para conseguir oportunidades de atuar, como Reese Whiterspoon que fundou a sua própria produtora, a Pacific Standard e a Hello Sunshine, que adquire os direitos de histórias protagonizadas por mulheres.

No início deste ano, Gal Gadot também criou a sua própria produtora. Recentemente, foi noticiado que ela está em negociação para produzir e atuar em uma  mini-série sobre Hedy Lamarr.

Gal Gadot anunciou em suas redes sociais que dublará a personagem Shank, na sequência do filme Detona Ralph (2012) que estreia em janeiro de 2019 no Brasil.

Estou muito animada em finalmente anunciar que interpretarei uma personagem de nome Shank no filme da Disney ‘WiFi Ralph – Quebrando a Internet’ que chega aos cinemas no próximo novembro!” Gal Gadot publicou no Twitter. “Que experiência incrível fazer parte deste projeto com ótimos criados e elenco! Bem-vindos à Slaughter Race!

A personagem da atriz em WiFi Ralph – Quebrando a Internet é uma motorista feroz de um jogo de corrida online, o Slaughter Race.

Shank é uma motorista incrível e tem essa vibe de garota má. Mas conforme o filme avança, você percebe o quão divertida e afetuosa ela realmente é por dentro, que é o que eu mais gosto nela,” Gal Gadot declarou em comunicado oficial.

Gal Gadot dublará personagem em WiFi Ralph

Gal Gadot é Shank, em “WiFi Ralph – Quebrando a Internet”.

Shank conhece o Ralph (John C. Reilly) e a Vanellope (Sarah Silverman) durante a jornada da dupla na internet, onde eles esperam encontrar um volante substituto para o jogo de corrida da garota, o clássico Corrida Doce.

Há tanta textura na voz dela e tanta vida“, o diretor e roteirista Phil Johnston disse em comunicado. “Se Ralph é a figura de um irmão mais velho para Vanellope, queríamos uma figura de irmã mais velha. Queríamos alguém que Vanellope admirasse e Gal é definitivamente alguém que as crianças, e muitos adultos que conheço, aspiram imitar. Não consigo imaginar mais ninguém interpretando esse papel.

Confira um curto vídeo publicado por Gal Gadot em suas redes sociais.

Ralph, o vilão dos videogames e sua companheira desajustada Vanellope von Schweetz navegam a vasta e dinâmica world wide web em busca de uma peça sobressalente para salvar o videogame de Vanellope, Corrida Doce. WiFi Ralph – Quebrando a Internet estreia em 21 de novembro nos Estados Unidos e em 3 de janeiro nos cinemas brasileiros.

Confira o sneak peek completo e [ainda] sem legenda com a personagem de Gal Gadot.

Assista aqui o trailer dublado.

Com informações do Entertainment Weekly.

O Deadline informou que Gal Gadot está próximo de fechar um acordo para estrelar e ser produtora executiva de uma mini-série sobre a atriz e inventora austríaca Hedy Lamarr. Hedy Lamarr é considerada como uma Mulher-Maravilha judaica da vida real, com invenções que tornaram possíveis o WiFi e o GPS. Gal Gadot queria tornar esse projeto real há algum tempo.

Além de interpretar Hedy Lamarr, a atriz será uma das produtoras executivas da mini-série ao lado de seu marido e parceiro de produção Jaron Varsano, Sarah Treem (The Affair) e Warren Littlefield (O Conto da Aia). Sarah Treem também é a co-criadora e roteirista da mini-série. O estúdio que produzirá a série é o Endeavor Content. O projeto será exibido pelo Showtime, graças ao relacionamento de Sarah Treem com o canal.

Nascida na Áustria, Lamarr iniciou a carreira dela na Checoslováquia no início dos anos 30, antes de deixar o marido dela, um rico austríaco fabricante de munição, e se mudar para Paris. Em Londres, ela conheceu o chefe do estúdio Metro-Goldwyn-Mayer (MGM), Louis B. Mayer, que lhe ofereceu um contrato de filmes em Hollywood, onde ela estrelou em Argélia (1938), Fruto Proibido  (1940), A Mulher Que Eu Quero (1940), O Inimigo X (1940), Pede-Se Um Marido (1941), Sol de Outono (1941) e Sansão e Dalila (1949).

Hery Lamarr (nome de batismo Hedwig Kiesler) também foi uma inventora. No início da Segunda Guerra Mundial, ela e o compositor George Antheil desenvolveram um sistema de orientação por rádio para os torpedos aliados, que usavam espalhamento espectral e frequência. Aspectos do trabalho deles foram incorporados na tecnologia Bluetooth e WiFi. Em reconhecimento às suas contribuições, o nome da dupla foi inserido no Hall da Fama dos Inventores Nacionais, em 2014.

No momento, Gal Gadot está gravando a sequência de Mulher-Maravilha na Europa.

Com a produção principal de Mulher-Maravilha 1984 deixando os Estados Unidos e partindo para a Europa, Gal Gadot e Patty Jenkins lançaram uma nova campanha na plataforma Omaze que beneficiará a Anti-Recidivism Coalition (ARC).

Com doações que vão de US$ 10 a US$ 3.500, o participante concorre a ingressos para um sorteio que o levará à Londres, no set super-secreto de Mulher-Maravilha 1984, para ser um dos extras do filme e conhecer a própria Gal Gadot e a diretora Patty Jenkins.

Enquanto o roteiro de Mulher-Maravilha 1984 está encoberto de segredos, sabemos de duas coisas. Um: ele se passa na década da Guerra Fria e dos grandes cabelos que foi os anos 1980. E dois: você estará nele! Você e um amigo viajarão em um avião não tão invisível ao set super-secreto de Londres. E quem estará lá para te receber? Ninguém menos do que a própria Mulher-Maravilha, Gal Gadot, e a diretora visionária do filme, Patty Jenkins! Você perguntará a essas Deusas todas as perguntas que não te deixam em paz, ficará todo glamouroso com cabelo e maquiagem dos anos 1980 e, depois, ficará de frente com as câmeras como um extra do filme (com o seu amigo torcendo por você!). Maravilhoso é pouco. Isso será demais. Voo e hotel inclusos.

A campanha beneficia a Anti-Recidivism Coalition (ARC), baseada em Los Angeles, que ajuda ex-detentos e defende a reforma na justiça criminal. A missão da ARC é reduzir o encarceramento, melhorar os resultados dos indivíduos já encarcerados e construir comunidades mais saudáveis.

A Anti-Recidivism Coalition (ARC – Coalizão Anti-Reincidência) começou como uma viagem de acampamento anual, reunindo algumas dezenas de jovens que já haviam sido encarcerados com mentores positivos, para oferecer incentivo, orientação e recursos. Hoje, a ARC cresceu e se tornou uma rede de apoio e defesa de mais de 450 membros e centenas de mentores e aliados voluntários, comprometidos em ajudar uns aos outros através da reentrada e defendendo um sistema de justiça criminal mais justo. A sua generosidade ajudará a ARC a oferecer aos seus associados orientação, serviços de saúde mental, moradia solidária, acesso a empregos e educação, e oportunidades para defender a reforma da justiça criminal.

Quanto mais alta a doação, mais ingressos para participar do sorteio você recebe. Para doações acima de 100 dólares, o participante recebe alguns “brindes”.

US$ 10 100 ingressos
US$ 25 250 ingressos
US$ 50 1.000 ingressos
US$ 100 2.000 ingressos e uma camiseta de Mulher-Maravilha
US$ 250 2.500 ingressos
US$ 500 5.000 ingressos e um conjunto autografado por Gal Gadot e Patty Jenkins de blu-ray, dvd, cópia digital de Mulher-Maravilha e uma tiara. ESGOTADO!
US$ 1.000 10.000 ingressos e uma foto de Gal Gadot autografada
US$ 2.500 25.000 ingressos e um steelbook de Mulher-Maravilha autografado por Gal Gadot e Patty Jenkins
US$ 3.500 35.000 ingressos e um livro Wonder Woman: Ambassador of Truth (sem tradução no Brasil) autografado por Gal Gadot e Patty Jenkins
US$ 3.500 35.000 ingressos e um livro Wonder Woman: The Art and Making of the Film (sem tradução no Brasil) autografado por Gal Gadot e Patty Jenkins
US$ 4.000 40.000 ingressos e um colecionável da Mulher-Maravilha e de Steve Trevor, escala 1:6, autografado por Gal Gadot
US$ 5.000 50.000 ingressos e um roteiro de Mulher-Maravilha autografado por Gal Gadot e Patty Jenkins

A campanha vai até 12 de setembro e o vencedor será anunciado em 27 de setembro ou em data próxima. Para participar, você deve ser um residente legal dos seguintes países: Argentina, Áustria, Canadá, Chipre, Estônia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Irlanda, Japão, Letônia, Lituânia, México, Holanda, Filipinas, Portugal, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Estados Unidos ou Reino Unido. Os participantes não devem ser residentes da Bélgica, Cuba, Índia, Irã, Iraque, Itália, China, Coréia do Norte, Filipinas, Rússia, Cingapura, Sudão, Síria ou Tailândia.

Para participar, visite omaze.com/wonderwoman

No início do mês, quando foi anunciado que a Warner Bros traria uma surpresa de Mulher-Maravilha 1984 ao palco de sua apresentação da San Diego Comic Con, muitos acreditaram que seria Gal Gadot vestida em seu traje de super-heroína. O traje não apareceu, Gal Gadot sim.

O painel da Warner Bros começou às 14:30 de Brasília e, após muita espera, o estúdio apresentou os filmes da DC Comics. Patty Jenkins, Chris Pine e Gal Gadot estavam presentes representando o segundo filme da Mulher-Maravilha. 

A entrada de Gal Gadot no palco foi acompanhada pela música tema da super-heroína e muita vibração pelos presentes no Hall H.

O painel começou com a pergunta que todos nós fazemos desde o primeiro dia das gravações do longa: como Steve Trevor está de volta? Ao ser questionado, Chris Pine riu e disse que ele não está bem lá, “Sou apenas uma aura de apoio emocional para as minhas colegas.” Gal Gadot brincou agora ele é “a moça da água, ele nos pergunta se estamos com fome, ele nos traz água.

Patty Jenkins informou que não podia dizer o por quê de ele estar de volta, “É algo que eu estou muito ansiosa para todos verem, ele é uma parte muito importante do nosso filme.

Sobre a escolha do filme se passar em 1984, a diretora disse que essa foi a melhor e a pior época da humanidade, “Uma das minhas coisas preferidas em fazer o primeiro filme na
Primeira Guerra Mundial, em 1917, foi conhecer a era. Quando você pesquisa essas eras, existem metáforas que simbolizam coisas que são sempre verdade. E havia algo naquela época,
como o início da modernidade e do mundo mecanizado. É engraçado, eu cresci nos anos 1980. Há muita coisa ambientada nos anos 1980 agora, mas esse é inteiramente um filme único dos anos 1980, na verdade, com uma sensação diferente e com sua singularidade. E o motivo de querer passá-lo aí é porque realmente foi [a época da] a humanidade no seu pior e no seu melhor. Sabe, temos consciência dos preços de alguns dos nossos atos agora, mas não tínhamos nos anos 1980. Estávamos no topo. Mas não há só os anos 1980 engraçado. Ele era grande, maravilhoso, havia ótima música, coisas ótimas. Havia muita coisa elegante, bonita e incrível nos anos 1980. Ao mesmo tempo, estávamos revelando o pior de nós. Então, não havia momento melhor, agora que temos a Mulher-Maravilha e que ela existe, para fazê-la passar e presenciar isso e ver a Mulher-Maravilha em uma época que realmente mostra a humanidade no extremo.

O próximo parágrafo contém spoilers da cena exibida.

Em seguida, um vídeo exclusivo de Mulher-Maravilha 1984, pouco finalizado, foi exibido para os participantes do painel no Hall H: a Mulher-Maravilha salva uma garotinha, em um shopping, luta com dois caras maus e até usa o seu laço. A garotinha fica bastante impressionada ao ver a super-heroína.

Após o teaser do filme, Patty Jenkins falou sobre o seu amor pela personagem, “O que eu mais amo na Mulher-Maravilha é que ela é mais do que os outros super-heróis. As pessoas se veem na Mulher-Maravilha mais do que nos outros super-heróis, pessoas de todos os sexos, raças, tamanhos e deficiências. Então, ela permanece bastante original ao que aquela Mulher-Maravilha original de Marston era: muito amável, boa, gentil, afetuosa, mas ainda assim poderosa sem dúvida, mente aberta, solidária e lidando com o seu próprio conhecimento. Me preocupei que ela fizesse cada um de nós acreditar na Mulher-Maravilha dentro de nós. É com isso que me importo.

Gal Gadot mostrou seu amor pela personagem, ao falar sobre interpretar Diana Prince. “Eu cresci com uma mãe de opinião forte que também era muito afetuosa e amável. E também, todas as minhas amigas, todas elas são muito fortes, independentes, inteligentes, calmas e engraçadas. Eu acredito que é assim que somos, mulheres. E eu me senti muito agradecida e privilegiada em ter a oportunidade de interpretar uma versão extrema disso. Eu trago apenas o que eu acredito e é exatamente nisso que eu acredito.

Quando questionados sobre o sucesso do primeiro filme e como repeti-lo no segundo, Gal Gadot disse que “Olhamos para esse filme não como uma sequência, mas um novo capítulo, é uma nova história.” Patty Jenkins completou: “Eu nunca quero fazer mais do mesmo pelo motivo errado. Eu não quero entrar naquele pensamento de ‘como eu continuo e tenho lucro?’ Eu tenho esses personagens que eu amo, esse mundo que eu amo e podemos fazer um filme totalmente novo que é completamente único e tão forte quando o primeiro? Claro que eu quero fazê-lo. Mas não é ‘mais’ de nada, mesmo evocando tudo o que aconteceu no primeiro.

As fotos do painel de Mulher-Maravilha 1984 podem ser conferidas em nossa galeria.

Inicio » Eventos & Aparições Públicas | Events & Public Appearances » 2018 » 07.21 | Painel da Warner Bros na SDCC

Inicio » Eventos & Aparições Públicas | Events & Public Appearances » 2018 »  07.21 | San Diego Comic Con – Imprensa

O filme está em produção há 3 semanas e meia e continua as gravações por mais 20. A estreia de Mulher-Maravilha 1984 está prevista para 1 de novembro de 2019.

A Reebok recrutou o poder de notáveis estrelas de Hollywood e além para a sua nova campanha anunciada hoje.

A continuação da campanha Be More Human, que começou em março, celebra as mulheres reais que manifestam a verdadeira transformação no mundo. Assim, a marca pretende usar sua campanha para ampliar a forma como as mulheres de voz ativa inspiram as outras pessoas a agir e fazer a mudança. A cantora Ariana Grande, as atrizes Gal Gadot, Danai Gurira, Nathalie Emmanuel, a modelo Gigi Hadid, a atleta Katrin Davidsdottir, entre outras, estrelam a ação.

Gal é um símbolo de auto-confiança, coragem e força interior que as garotas de todas as idades podem se espelhar. Ela acredita que quanto mais expostas a modelos fortes e inspiradores formos, mais somos capazes de transformar os nossos sonhos em realidade.” Reebok

As 10 mulheres que fazem parte da campanha foram fotografadas ao lado de citações que mostram palavras inspiradoras de cada uma delas. Para cada foto, cada uma delas compartilha uma história pessoal de superar as barreiras e se tornarem a melhor versão delas mesmas.

Nós mudamos o mundo cada vez que lideramos sendo o exemplo.” – Gal Gadot

A Reebok também fez uma parceria com as fundações Movemeant Foundation e The Women’s Strength Coalition que trabalham nas comunidades de base para apoiar organizações que visam capacitar as mulheres. Além disso, a marca lançará 10 camisetas versões limitadas, uma para cada estrela da campanha. Até 21 de dezembro, os lucros da venda das camisetas serão distribuídos igualmente entre as organizações.

Os que quiserem participar de outra maneira podem “doar suor”, postando uma foto sua no Instagram ou Twitter, enquanto faz exercícios físicos, com a hashtag #BeMoreHuman. Para cada foto postada, a Reebok fará uma doação para as organizações citadas, limitadas a 2500 postagens.

A campanha acompanha um vídeo promocional para cada estrela. No de Gal Gadot, a atriz dá conselhos para a sua versão adolescente.

Inicio » Campanhas Publicitárias | Advertising Campaigns » Reebok » Sessão de Fotos [Collier Schorr]

Inicio » Campanhas Publicitárias | Advertising Campaigns » Reebok » Bastidores

Inicio » Campanhas Publicitárias | Advertising Campaigns » Reebok » Material promocional: “Be More Human”

Após o lançamento oficial da campanha, Gal Gadot publicou dois vídeos de bastidores em seu Instagram Story.

 

Com informações da Pret-a-Reporter

Gal Gadot aproveitou uma pausa nas gravações de Mulher-Maravilha 1984 que acontecem em Washington D.C., Estados Unidos, para visitar um hospital infantil na Virginia.

Na sexta-feira (06), a atriz esteve no Hospital Infantil Inova, vestindo o traje completo da super-heroína, trazendo muita alegria a todos os pacientes e equipe médica.

O pediatra Lucas Collazo agradeceu a visita da atriz, compartilhando uma foto de Gal Gadot ao lado da equipe do hospital, “Obrigado, Gal Gadot, por nos visitar no Inova Health Children’s Hospital. Você é uma verdadeira Mulher-Maravilha. As crianças amaram… E a equipe também.

O twitter oficial do hospital infantil também agradeceu a visita, “Estamos muito honrados pela Mulher-Maravilha ter parado para visitar as crianças e cuidadores no Hospital Infantil Inova! Obrigado, Gal Gadot.

Jamie Gentille, integrante da equipe do hospital, publicou uma foto do grupo e de Gal Gadot durante a visita. É notável a alegria da atriz, “Alguns dias são apenas maravilhosos! Muito agradecida pela incrivelmente linda e gentil Gal Gadot trazer os super poderes dela para as crianças no trabalho!!

A atriz também tirou foto com os pacientes, entre eles a pequena Karalyne, de sete meses, que sofre de leucemia. “Eu estava em nosso quarto com um dos vários médicos, enquanto Karalyne estava presa à um soro com antibióticos, quando a Mulher-Maravilha, Gal Gadot, entrou, usando todo o traje,” a mãe de Karalyne, Kelly Sahady, disse ao Good Morning America. “Ela tinha um sorriso enorme no rosto e andou até mim. Ela perguntou se podia segurar a Karalyne e a pegou nos braços.

Kelly Sahady ainda disse que ficou bastante impressionada com a visita surpresa da atriz aos pacientes, “Dava para dizer que a equipe dela estava com pressa de continuar a visita, mas ela não estava. Ela perguntou sobre nossos outros filhos e até trouxe alguns brinquedos para eles. Ela fez isso de coração e isso significou mais do que qualquer coisa. Somos fãs da Mulher-Maravilha para a vida toda, agora.

Uma página no site Go Fund Me arrecada fundos para o tratamento da Karalyne.

Mulher-Maravilha 1984 iniciou as gravações no início de junho, nos Estados Unidos, e deve gravar ainda nas Ilhas Canárias, Espanha, entre outros lugares do mundo. O filme estreia em 01 de novembro de 2019.

Na segunda-feira (27), aconteceu a 44ª edição do Saturn Awards (Prêmio Saturno), mais conhecido como a versão nerd do Oscar.

Mulher-Maravilha concorreu em 6 categorias, mas levou apenas uma estatueta, a de Melhor Atriz de Filme, com Gal Gadot. Infelizmente, devido às gravações da sequência do filme, Gal Gadot não pode comparecer à premiação.

Parabéns novamente para a ganhadora do Prêmio Saturno 2018 de ‘Melhor Atriz’, Gal Gadot, por Mulher-Maravilha“, o twitter oficial da premiação publicou.

A atriz agradeceu a premiação em seu twitter oficial e sentiu muito não poder ter comparecido ao evento, “Uau! Muitíssimo obrigada!! Que honra e em uma categoria tão incrível de mulheres!! Queria ter podido estar aí com vocês!

Confira a lista dos vencedores nas categorias em que Mulher-Maravilha concorria.

Melhor Filme Adaptado de História em Quadrinho

Vencedor: Pantera Negra (Marvel / Walt Disney Studios)
Guardiões da Galáxia Vol. 2 (Marvel / Walt Disney Studios)
Logan (20th Century Fox)
Homem-Aranha: De Volta ao Lar (Sony / Marvel)
Thor: Ragnarok (Marvel / Walt Disney Studios)
Mulher-Maravilha (Warner Bros.)

Melhor Atriz de Filme

Vencedora: Gal Gadot – Mulher-Maravilha
Sally Hawkins – A Forma da Água “The Shape of Water” (Fox Searchlight)
Frances McDormand – Três Anúncios Para um Crime
Lupita Nyong’o – Pantera Negra
Rosamund Pike – Hostiles
Daisy Ridley – Star Wars: O Último Jedi
Emma Watson – A Bela e a Fera

Melhor Diretor de Filme: Patty Jenkins

Vencedor: Ryan Coogler – Pantera Negra
Guillermo del Toro – A Forma da Água
Patty Jenkins – Mulher-Maravilha
Rian Johnson – Star Wars: O Último Jedi
Jordan Peele – Corra!
Matt Reeves – Planeta dos Macacos: A Guerra
Denis Villeneuve – Blade Runner 2049

Melhor Roteiro

Ryan Coogler, Joe Robert Cole – Pantera Negra
Hampton Fancher, Michael Green – Blade Runner 2049
Jordan Peele – Corra!
Scott Frank, James Mangold, Michael Green – Logan
Guillermo del Toro, Vanessa Taylor – A Forma da Água
Vencedor: Rian Johnson – Star Wars: O Último Jedi
Allan Heinberg – Mulher-Maravilha

Melhor Figurino

Vencedora: Sarah Greenwood – A Bela e a Fera
Hannah Beachler – Pantera Negra
Dennis Gassner – Blade Runner 2049
Paul Denham Austerberry – A Forma da Água
Rick Heinrichs – Star Wars: O Último Jedi
Hugues Tissandier – Valerian e a Cidade dos Mil Planetas
Lindy Hemming – Mulher-Maravilha

O prêmio de Melhor Ator Coadjuvante, categoria na qual Chris Pine concorria por Mulher-Maravilha, ficou com Patrick Stewart (Logan). A lista completa dos vencedores pode ser conferida aqui.

Mais notícias:12345...102030...Última »